quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Campanha de Oração pela Salvação do Brasil

Recentemente, encontrei li no blog En Garde Um pedido de oração pelo nosso país que acho necessário reforçá-lo aqui.
"O Brasil vive uma situação política terrível. Enquanto governantes ímpios zombam de Deus e das raízes católicas do povo brasileiro, o país caminha a passos largos em direção à Foice e ao Martelo que, derrotados no Leste Europeu, querem fincar raízes aqui no Novo Mundo. Os brasileiros, inermes e apáticos, não se apercebem do abismo que se lhes abre aos pés. Não se descortina, no horizonte, nenhuma esperança meramente humana que possa libertar o país da sombra que, sobre ele, paira ameaçadora".
A nossa Terra de Santa Cruz enfrenta um de seus piores momentos. O comunismo galopa como o cavaleiro vermelho do Apocalipse, trazendo consigo os flagelos do aborto, da destruição da família, da perseguição religiosa, do ateísmo programático, do narcotráfico.

Em Pernambuco, a Virgem apareceu em 1936 advertindo que o Brasil passaria por uma sangrenta Revolução que instauraria o comunismo no país e traria sofrimento e dor ao povo brasileiro. Com o sangue dos cristãos nas mãos, a Virgem pediu que rezássemos o Santo Terço, em devoção ao Sagrado Coração de Jesus e ao Imaculado Coração de Maria, contra a comunistização do país e em favor da exaltação da Santa Cruz. Pediu penitência e oração.

Esse é o momento de atendermos ao pedido da Virgem!

1000 Ave-Maria's pelo Brasil!

Rezemos o Santo Terço diariamente, até o dia das Eleições, adicionando a início a seguinte petição: "Nossa Senhora Aparecida, livrai o Brasil do flagelo do comunismo!"

Se cada católico brasileiro comprometer-se um Terço pelos 20 dias anteriores à Eleição, teremos rezado 1000 Ave-Maria's, cada um, pelo nosso país!

Comprometamo-nos a rezarmos diariamente o Santo Terço até o fim do pleito, atendendo ao pedido da Virgem, nesta hora difícil que se avizinha.

Caso contrário, com o advento do comunismo, do aborto e da destruição do matrimônio e da família, advirá sobre nós também a Ira de Deus; lembremo-nos que a Virgem disse em La Salette que "a mão do Seu Filho já pesava demais, e já não conseguia segurá-La".

Rezemos pela Pátria! Unamo-nos à Campanha de Oração pela Salvação do Brasil. Reproduzo-a, como foi originalmente publicada no En Garde. Divulguemo-la. E rezemos. Que Nossa Senhora Aparecida Se compadeça de nós, e nos salve!

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

domingo, 26 de setembro de 2010

CNBB impulsiona Projeto 1 Milhão de Bíblias

ESTA NOTÍCIA VALE A PENA SER REPRODUZIDA:


Cerca de 1.200 pessoas marcaram presença na paróquia São Pedro e São Paulo para assistir à entrega simbólica de Bíblias da Campanha Nacional de Doação de Um Milhão de Bíblias, ontem, no bairro do Guamá. O arcebispo metropolitano de Belém, dom Alberto Taveira, onze bispos e representantes de 59 dioceses de Belém também assistiram à missa celebrada por dom Dimas Barbosa, secretário nacional da Conferência Nacional de Bispos do Brasil (CNBB) e responsável pelo projeto.
Durante a celebração, foi feita a entrega simbólica das bíblias, uma para cada representante das paróquias inscritas no projeto "Belém em missão", adotado para decidir as comunidades carentes que receberão os livros sagrados. "Serão 120 mil Bíblias para serem distribuídas pelas comunidades do Pará e Amapá. Depois, vamos para o Amazonas, abrangendo todo o País. Todos precisamos da Palavra de Deus para consolidar a missão da Igreja", afirmou dom Jesus, presidente da CNBB - região Norte.



Secretário Geral da CNBB quer levar palavra de Deus ao Brasil
Levar a palavra de Deus a todos no Brasil que não têm condições de comprar a Bíblia e outros materiais educativos de evangelização. Essa é a principal finalidade da "Campanha Nacional de Doação de Um Milhão de Bíblias", que traz como tema "Ide, pois, fazer discípulos entre todas as nações, e batizai-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo" (Mt 28,19) e o lema: "Discípulo e servidores da Palavra de Deus".
A ação é desenvolvida pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) em parceria com a Comissão para a Missão Continental no Brasil, que aspiram levar às pessoas um pequeno kit contendo além da Bíblia Sagrada, uma Bíblia infantil; um pequeno catecismo: Eu creio; e um livreto sobre a iniciação à leitura da Bíblia. Para falar da campanha o secretário geral da CNBB, dom Dimas Barbosa, concedeu coletiva, na sede da CNBB, em Belém, ontem à tarde, acompanhado de dom Jesus Maria Berdonces, presidente da Regional I da CNBB, e Sônia Minder, coordenadora nacional da campanha.
Segundo Sônia Minder, no Pará e Amapá serão distribuídas um total de 157 mil, das quais 120 mil já foram entregues a 10 dioceses. As demais serão destinadas a mais quatro delas. O transporte do material é feito em parceria com diversas empresas.
Dioceses de 3 regiões terão prioridade
Segundo dom Dimas Barbosa, as dioceses da Amazônia, Nordeste, e Centro-Oeste serão tratadas com prioridade na campanha, que depois se expandirá para as outras regionais do País. "A Amazônia é estratégica para o país e para a Igreja também, principalmente pelo trabalho que nossos bispos têm feito na região atendendo à população mais carente".
Ele esclarece que cada diocese e prelazia foi consultada quanto à quantidade de bíblias que precisava ter e as dioceses do Brasil que quiserem receber a doação dos kits devem se cadastrar no site da CNBB, mas precisam elaborar um plano de evangelização para apresentar para onde serão doadas as bíblias", orienta dom Dimas.
Em um primeiro momento, a campanha contou com ações isoladas, mas há três semanas já está na mídia, por meio também de spot de rádio que convida a população a doar o kit catequético, no valor de R$ 33,00 cada. Quem quiser fazer doação e saber mais sobre a campanha basta acessar o site da CNBB: www.cnbb.org.br. 
Outras informações sobre o Projeto falar com a assessora de Projetos Sociais, Institucionais e Captação de Recursos da CNBB, Sônia Minder no e-mail: minder@cnbb.org.br , no telefone (61) 8173 5881 ou pelo Voip, no número 1035.
Fonte:
http://www.orm.com.br/amazoniajornal/interna/default.asp?modulo=222&codigo=486754




Último domingo de setembro: Dia da Bíblia

A Igreja Católica denomina o mês de setembro como o “Mês da Bíblia”. E amanhã (ultimo domingo de setembro) celebraremos o Dia da Bíblia na Igreja Católica. 

O dia surgiu nas comemorações do cinquentenário da Arquidiocese de Belo Horizonte (MG), em 1971, por iniciativa das Irmãs Paulinas e do Padre Antonio Gonçalves, entre outras pessoas. O dia foi propagado pela editora católica Paulinas até ser reconhecido pela Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em 1978. A cada ano, um tema bíblico é escolhido para ser estudado pela comunidade católica durante todo o mês.

O mês foi escolhido porque no dia 30 de setembro os católicos comemoram o dia de São Jerônimo, considerado o padroeiro dos estudos bíblicos, por ser um grande estudioso da palavra de Deus e responsável pela Vulgata, a tradução da Bíblia para o latim.

Segundo as Irmãs Paulinas, o objetivo da criação do Mês da Bíblia é “contribuir para o desenvolvimento das diversas formas de presença da bíblia, na ação evangelizadora da Igreja, no Brasil, criando subsídios bíblicos nas diferentes formas de comunicação e facilitando o diálogo criativo e transformador entre a palavra, a pessoa e as comunidades”.

É uma pena que tão poucos católicos conheçam o valor deste livro tão antigo e tão especial! Demoraram alguns séculos para que a Igreja Católica chegasse à forma final da Bíblia, com os 73 livros como temos hoje. Em vários Concílios, ao longo da história, a Igreja, assistida pelo Espírito Santo (cf. Jo 16,12-13) estudou e definiu o Índice (cânon) da Bíblia; uma vez que nenhum de seus livros traz o seu Índice. Foi a Igreja Católica quem berçou a Bíblia. Garante-nos o Catecismo da Igreja e o Concílio Vaticano II que: “Foi a Tradição apostólica que fez a Igreja discernir que escritos deviam ser enumerados na lista dos Livros Sagrados” (Dei Verbum 8; CIC,120). Portanto, sem a Tradição da Igreja não teríamos a Bíblia. Santo Agostinho dizia: “Eu não acreditaria no Evangelho, se a isso não me levasse a autoridade da Igreja Católica” (CIC,119).

FIZ QUESTÃO DE BUSCAR ESTA FOTO NA NET, ONDE APARECE UM TERÇO SOBRE A BÍBLIA, PARA DEMONSTRAR ILUSTRAR A IDEIA DE QUE TUDO O QUE MEDITAMOS NO ROSÁRIO ESTÁ CONTIDO NAS ESCRITURAS! O que teimosamente nossos irmãos evangélicos negam.





Hoje falava ao meu grupo de coroinhas que hoje, mais do que nunca, é necessário que os jovens saiam da IGNORÂNCIA CULPOSA e passem a conhecer a Bíblia. É nela que estão contidas as Promessas de Deus para nós. Pois está escrito: "Lâmpada para meus passos é tua palavra e luz no meu caminho". Sl.119,105.

Fonte parcial: Portal São Francisco
Site Irmãs Paulinas 

sábado, 25 de setembro de 2010

Música da Semana: Santa Cruz, Banda Arkanjos

Reflexão sobre o sacerdócio...

Recentemente encontrei um folheto que me tocou muito. Resolvi compartilhá-lo aqui no blog. Seu tema é:

Um Sacerdote...
“Um sacerdote deve ser, ao mesmo tempo,
 pequeno e grande, de espírito nobre,
como de sangue real; simples e espontâneo
Como um colono, um heroi no domínio de si;
um homem que lutou com Deus, uma fonte de santificação;
um pecador que Deus perdoou, senhor dos seus desejos,
um servidor humilde para os tímidos e fracos,
que não se rebaixa diante dos poderosos,
mas se curva diante dos pobres, discípulos de seu Senhor;
chefe de Seu rebanho; um mendigo de mãos largamente abertas,
um portador de imutáveis dons;
um homem no campo de batalha;
uma mãe para confortar os doentes;
com sabedoria da idade e a confiança de um menino;
voltado para o alto, com os pés na terra;
feito para a alegria, experimentado no sofrimento;
longe de toda a inveja;
que vê longe, que fala com franqueza;
um inimigo da preguiça;
sempre fiel, tão diferente de mim!
Extraído de um manuscrito medieval.

domingo, 19 de setembro de 2010

dia 23 de setembro: 42º aniversário de Morte de São Pio de Pietrelcina.


"Duas coisas que neste mundo
jamais te abandonam,
os olhos de Deus que sempre te vê
e o coração da Mãe
que sempre te segue." 

São Pio,
Rogai por nós!

Salmo 112/113, 25º Domingo do TC, ano C - Com Shalom.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

15 de Setembro: Nossa Sra. Das Dores

"Quero ficar junto à cruz, velar contigo a Jesus e o teu pranto enxugar!"

Assim, a Igreja reza a Maria neste dia, pois celebramos sua compaixão, piedade; suas sete dores cujo ponto mais alto se deu no momento da crucifixão de Jesus. Esta devoção deve-se muito à missão dos Servitas – religiosos da Companhia de Maria Dolorosa – e sua entrada na Liturgia aconteceu pelo Papa Bento XIII.

A devoção a Nossa Senhora das Dores possui fundamentos bíblicos, pois é na Palavra de Deus que encontramos as sete dores de Maria: o velho Simeão, que profetiza a lança que transpassaria (de dor) o seu Coração Imaculado; a fuga para o Egito; a perda do Menino Jesus; a Paixão do Senhor; crucifixão, morte e sepultura de Jesus Cristo. 





Nossa Senhora das Dores, rogai por nós!

terça-feira, 14 de setembro de 2010

14 de setembro: Exaltação da Santa Cruz


"Mas longe esteja de mim gloriar-me, a não ser na Cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim e eu, para o mundo" Gl.6,14.

Vida Cristã e Hipocrisia

“Segura e digna de ser acolhida é esta palavra: Cristo veio ao mundo para salvar os pecadores, E eu sou o primeiro deles!” (I Tm. 1,15).

Este versículo constitui o ponto essencial da segunda leitura do último domingo, dia 12/09. Percebemos como é a pedagogia dos santos baseada na a humildade. Quando estamos no início de nossa caminhada de fé permanecemos imersos em nós mesmos, voltados para o nosso próprio umbigo. Sentimos-nos “santos”, os melhores do mundo e não entendemos porque os outros não percebem isso. Atiramos-nos em devoções e atos de piedade, como rezar mais de um rosário por dia, praticar jejuns absurdos (a pão e água) mais de uma vez por semana, etc..., e até pensamos que isso agrada a Deus. Com isso, podemos cair em uma espécie de “orgulho espiritual”, e fazer de nossa vida cristã uma grande mentira, ou hipocrisia.
Não percebemos a profundidade de nossa miséria humana porque não queremos nos aprofundar em nossa humanidade. Por isso, nos lançamos como que “de cabeça” naquilo que é exterior e aparente. Queremos viver como os santos de literatura viveram e nos esquecemos de praticar o que eles fizeram. Tais santos receberam de Deus uma capacidade especial de introspecção, capaz de entrar na “cela” de seu próprio coração e compreender que, na verdade são apenas pó e, são o que são somente por causa da Misericórdia de Deus.  Por isso, São Paulo afirma ser o primeiro dos pecadores remidos por Cristo. O Apóstolo faz um paralelo entre sua miséria e a grandeza de Deus, para mostrar que, em sua vida foi o que foi graças a infinita Misericórdia de Deus.

domingo, 12 de setembro de 2010

Pastor Batista apóia a CNBB contra a iniquidade na política brasileira.


O Pastor Paschoal Piragine Jr. da Primeira Igreja Batista de Curitiba deu uma declaração pública de apoio a posição da CNBB, com relação a política brasileira. Contra a iniquidade que vem crescendo em nosso país.
Seria bom que os Protestantes de nosso país fossem unidos e fizessem o mesmo que o Pastor Paschoal. 



Vale a pena  assistir este vídeo!





Salmo 50/51, 24º Domingo do TC, ano C - Com Shalom.

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

08 de setembro: Natividade de Maria Santíssima

Festa da Natividade da Bem-aventurada Virgem Maria, herdeira das Alianças e das promessas de Israel, de quem Cristo se originou, segundo a sua humanidade. Esta festa é igualmente celebrada pelos orientais bizantinos e siríacos, ao passo que os gregos e os coptas a celebram na vigília deste dia.



A Natividade de Nossa Senhora é a festa de seu nascimento. É celebrada desde o início do cristianismo, no Oriente. E, no Ocidente, desde o século VII. O profundo significado desta festa é o próprio Filho de Deus, nascido de Maria para ser o nosso Salvador.


"A Virgem nasce, é alimentada com leite, plasmada e preparada como Mãe para o Deus e Rei de todos os séculos" (Liturgia das Horas, Tomo IV,Ofício das Leituras do dia 08/09).



Celebremos com carinho o natal da Mãe de Deus; Sua vida gloriosa ilumina toda a Igreja. Com alegre coração para Cristo entoemos nosso canto de louvor nesta festa de Maria, a Mãe de Deus altíssima! 




terça-feira, 7 de setembro de 2010

07 de setembro: DIA DA INDEPENDÊNCIA DA NOSSA PÁTRIA





Hoje comemoramos o dia da "INDEPENDÊNCIA" do nosso país. Mas penso que a nossa "Terra de Santa Cruz" ainda tem de lutar muito para ser realmente independente. Para tanto, é necessário pessoas que realmente lutem pelo nosso país, como bons representantes no governo, porém também nós como cidadãos podemos fazer a nossa parte.  Hoje rezemos por nossa Pátria: TERRA ABENÇOADA, JÁ O NOME DIZ, TERRA DE SANTA CRUZ!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...