segunda-feira, 27 de julho de 2015

Te Amar - Juninho Cassimiro



"Porque és precioso a meus olhos, porque eu te aprecio e te amo, permuto reinos por ti, entrego nações em troca de ti". (Is. 43, 4).

domingo, 26 de julho de 2015

Salmo do 17º Domingo Comum - 26/07/2015 (Sl. 144).



— Saciai os vossos filhos, ó Senhor!

— Que vossas obras, ó Senhor, vos glorifiquem,/ e os vossos santos com louvores vos bendigam!/ Narrem a glória e o esplendor do vosso reino/ e saibam proclamar vosso poder!
— Todos os olhos, ó Senhor, em vós esperam/ e vós lhes dais no tempo certo o alimento;/ vós abris a vossa mão prodigamente/ e saciais todo ser vivo com fartura.
— É justo o Senhor em seus caminhos,/ é santo em toda obra que ele faz./ Ele está perto da pessoa que o invoca,/ de todo aquele que o invoca lealmente.

Análise de conjuntura política da CNBB (junho 2015) comentada por Carlos Amorim.

Postamos abaixo na integra o texto do jornalista Carlos Amorim:

Uma análise de conjuntura política da Conferência Nacional dos Bisposdo Brasil (CNBB), datada de 30 de junho e distribuída a todos os bispos católico do país, acusa o Congresso de criar uma agenda “hostil aos direitos humanos”. Critica a politização do Judiciário, especialmente em relação à “Operação Lava-Jato”, que investiga desvios de dinheiro público para partidos e políticos. De quebra, ataca o plano de ajuste fiscal do governo, que segundo os bispos penaliza direitos trabalhistas historicamente consagrados.
Com relação ao Congresso, dirigido por “aliados” do Planalto, o documento da Igreja Católica indica uma atuação parlamentar que visa interesses políticos e econômicos. Na opinião dos bispos, o Congresso trabalha para encurralar o governo, com uma agenda “refratária à garantia de direitos”. E mais: os bispos afirmam que há uma “sub-representação” popular na Câmara dos Deputados, em razão de problemas no sistema político brasileiro. Por meio de campanhas políticas milionárias, baseadas em doações de empresas e corrupção, são eleitos representantes do empresariado e de banqueiros, com baixa atuação popular.
A CNBB vai além: descreve um governo refém do Congresso, como se estivéssemos num regime parlamentarista. Para dar o tom exato dessa crítica, afirma o seguinte: “(o governo)… transparecendo aturdido, é na verdade beneficiário e indutor dessa agenda (conservadora)”. Da parte do Planalto, até agora, ninguém rebateu as acusações católicas. Já dizia o ditado popular: “Quem cala, consente”.
Nas críticas ao Judiciário, mas sem referências diretas à “Operação Lava-Jato”, que apura as bandalheiras na Petrobras, os bispos asseguram que há uma crescente politização na justiça. Informam que alguns elementos dos tribunais têm “uma atuação seletiva”, com “abstração dos princípios da imparcialidade”. Pior: “(…) se estabelece um rito sumário de condenação, agravando os direitos fundamentais da pessoa humana, seja ela quem for”. Mas não para por aí: “Não se faz justiça com açodamento ou com uma lentidão que possa significar impunidade”. Questionando as “delações premiadas” (inclusive com dinheiro), dizem os bispos: “Tais práticas, realizadas com os holofotes da grande mídia brasileira, transformam réus confessos em heróis”.
O documento da CNBB, com pouca repercussão na mídia, é um dos mais graves questionamentos políticos a respeito do período democrático no Brasil. Sobre a política econômica do Partido dos Trabalhadores (PT), comandada por um banqueiro, santa ironia, os bispos católicos afirmaram o seguinte: “Boa para o capital, ruim para o trabalho”.
Em um país de maioria católica, a opinião dos bispos da “Igreja de Pedro” deveria fazer algum sentido. Ou não? Tudo indica que não vai fazer sentido algum em meio à crise que vivemos. Somos todos surdos?

*Grifo nosso. 

Papa Francisco fez sua inscrição para a Jornada Mundial da Juventude 2016.

Depois do Angelus de hoje (26/07), o Papa Francisco foi o primeiro a se inscrever para a JMJ 2016, que se realizará em Cracóvia, na Polônia, de 26 a 31 de julho, dando início à abertura das inscrições.
Ele disse: “Eu mesmo quis abrir as inscrições e por isso eu trouxe um menino e uma menina, para estarem comigo no momento de abrir as inscrições, aqui na frente de vocês. E acabo de me inscrever na Jornada como um peregrino mediante um dispositivo eletrônico. Celebrada durante o Ano da Misericórdia, esta Jornada será, em certo sentido, o jubileu da juventude, chamada a refletir sobre o tema "Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia" (Mt 5,7). Convido os jovens de todo o mundo a viver esta peregrinação seja indo a Cracóvia, seja participando deste momento de graça nas próprias comunidades”.

O sistema para inscrição - conforme notícia da Rádio Vaticano - desenvolvido pelo Comitê Organizador em parceria com o Pontifício Conselho para os Leigos, foi ativado neste domingo, 26 de julho de 2015, faltando exatamente um ano para a JMJ 2016. Para se inscrever basta acessar a página oficial da JMJ Cracóvia e clicar na opção “Participe”.
Fonte Zenit.

sábado, 25 de julho de 2015

Ex-Pastora Margareth relata sua conversão do protestantismo a Igreja Catolica pela intercessão de Maria.


Testemunho que vale à pena assistir!

Semana Nacional da Família 2015


Entre os dias 09 e 15 de agosto, acontece em todo o Brasil, a “Semana Nacional da Família”. Evento anual promovido pela Comissão Episcopal Pastoral para Vida e Família da CNBB e pela Comissão Nacional da Pastoral Familiar. Hoje a Semana Nacional da Família faz parte do calendário de, praticamente, todas as paróquias do Brasil. Teve início em 1992, como resposta ao desejo de se fazer alguma coisa em defesa e promoção da família, cujos valores vêm sendo agredidos sistematicamente em nossa sociedade. Escolheu-se, para isso, a semana seguinte ao dia dos pais, no mês de agosto, por ser o mês vocacional.
Com a Semana Nacional, a Igreja quer, uma vez mais, salientar a importância da família, que, talvez mais que outras instituições, tem sido colocada em questão pelas amplas, profundas e rápidas transformações da sociedade e da cultura. Por isso, é fundamental um olhar atento dirigido à família, patrimônio da humanidade.
A Comissão Episcopal Pastoral para Vida e Família da CNBB e a Comissão Nacional da Pastoral Familiar lançaram o subsídio “Hora da Família”, cujo tema neste ano de 2015 é “O amor é a nossa missão: a família plenamente viva”. O subsídio começou a ser editado desde a vinda do papa João Paulo II ao Brasil, em 1994, e passou a ser publicado anualmente.


Fonte Zenit.org

Religiosa morre em assalto na Fazenda Esperança, em Guaratinguetá (SP)

A Fazenda Esperança, em Guaratinguetá (SP), está de luto. Na madrugada desta sexta-feira, 24, a Irmã Odete, Franciscana de Siessen e que trabalhava nesta unidade de recuperação de dependentes químicos da Fazenda das Pedrinhas, foi assassinada. Segundo nota da instituição, por volta das 5h30, um homem entrou no local com intenção de roubar e tirou a vida da religiosa. O caso está sendo investigado pela Polícia de Guaratinguetá.
Irmã Odete tinha 65 anos e atuava há mais de seis anos na Fazenda de Guaratinguetá, onde desenvolvia trabalho com os jovens de catequese e acompanhamento espiritual. “Nossos jovens estão superando este momento de perda com oração e muita unidade entre eles. Temos certeza que Ir. Odete já está no Céu intercedendo por nós”, afirma a nota.
O comunicado ressalta ainda o homem que cometeu o crime é “uma pessoa de fora da Fazenda, que ainda não conheceu a nossa proposta de recuperação”.
Segundo o relato feito à Polícia Civil, a Irmã foi esfaqueada pelas costas enquanto tentava pedir socorro. Ela recebeu mais de seis golpes e apesar de ter sido socorrida, não resistiu aos ferimentos. Até o momento nenhum suspeito foi indiciado.
“Salientamos que tanto a Fazenda da Esperança como a Ordem Franciscana de Siessen, estão em oração por esta pessoa que cometeu este ato de violência. Acreditamos no perdão, numa cultura de Paz e de não violência”, assinala.
A Fazenda da Esperança é uma comunidade terapêutica com mais de 30 anos a serviço da recuperação de jovens que sofrem de dependência do álcool ou das drogas. Atualmente se encontra em 16 países. Seu trabalho se baseia no tripé: convivência em família, trabalho como processo pedagógico e espiritualidade para encontrar um sentido de vida.

Em 2007, a unidade de Guaratinguetá recebeu o Papa Bento XVI, que confiou a esta obra a missão “levar a Esperança, Jesus Cristo, ao maior número de jovens do mundo inteiro”.


Fonte: ACI Digital

Exemplo para a Vida Religiosa: Irmãs gêmeas celebram juntas 75 anos de vida religiosa

Canice e Canisius Lastrapes são duas irmãs gêmeas de 93 anos e que têm algo especial em comum: a vocação à vida consagrada e este ano celebram seu 75º aniversário de votos perpétuos. Ambas pertencem às Irmãs da Sagrada Família, congregação com 13 conventos no estado sulista de Louisiana (Estados Unidos).
As gêmeas são as últimas filhas de uma família de 12 irmãos, cresceram em Louisiana e foram educadas por religiosas da infância até a escola secundária.
Em declarações ao jornal The New Orleans Advocate, Canice recordou: “tivemos a presença de irmãs religiosas em nossas vidas todo o tempo”, e acrescentou que “elas sempre foram muito boas. Era simplesmente natural, suponho, que queríamos ser como elas”.
Ambas professaram seus votos em setembro de 1940, na antiga casa matriz das Irmãs da Sagrada Família, em Nova Orleans (Estados Unidos). Dois meses depois, professaram seus votos definitivos.
A irmã Canice assegura que não se arrepende e nem reclama dos sacrifícios que sua vocação lhe exige até o dia de hoje. “Parece que foram sido 75 dias”, assegura a irmã.
“Quando você não gosta do que está fazendo, o tempo parece não avançar em absoluto”, disse.
As irmãs dedicaram sua vida religiosa à educação e a trabalhar com os mais necessitados.
Embora seus serviços as levaram a estar em distintos conventos, “estávamos em contato uma com a outra a maioria do tempo”, recorda a irmã Canisius.
Por outra parte, Jude Lastrapes, sobrinho neto das irmãs Canice e Canisius, reconhece que elas “foram uma enorme inspiração para muita gente ao longo dos anos”.

“É só olhar para elas e você verá muito amor e energia. É como se tivessem nascido para ser freiras”, assegura o sobrinho.

Fonte: acidigital

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...